Menu:

 

A Poor Law de 1601, representa muito bem o modelo residual, ou seja um modelo caracterizado pela assistência caritativa e assistencialista, as medidas sociais são encaradas em termos marginalistas. A Igreja e as Paróquias exerciam um papel preponderante neste tipo de protecção social.

A Poor Law ou Lei dos Pobres foi promulgada em 19 de Dezembro de 1601, pela Rainha Isabel I e  assentava em quatro princípios:

1)    Obrigação do socorro aos necessitados;

2)     A assistência pelo trabalho;

3)    a taxa cobrada para o Socorro dos Pobres (por tax);

4)    a responsabilidade das paróquias pela assistência de socorros e de trabalho

A Lei dos pobres foi uma tentativa para travar uma grande parte da mendicidade e roubo de facto das pessoas nas ruas. Foi uma forma de proporcionar um meio de sobrevivência para os pobres e necessitados. Cada paróquia era responsável pelo bem-estar dos seus próprios paroquianos.